segunda-feira, 27 de setembro de 2010

paisagem

De longe na paisagem tudo é tão perfeito, tudo é tão normal. De perto toda coisa linda mostra algum defeito, e eu me sinto igual. Eu e você descobrimos a pólvora; A diferença nos faz tão bem. Somos os mesmos há milhões de anos, amantes, errantes, humanos! Eu guardo as lembranças em fotografias; Tudo é de papel. Se eu já soubesse antes, eu te contaria, sonhos de aluguel. Eu e você já moramos no mesmo céu. Nossas estrelas combinam. Fomos os mesmos até hoje de manhã, seus olhos de mar me fascinam ! E agora me conta o que aconteceu, que eu ando encostando meus sonhos nos seus...

aai aaai ...

(:

Um comentário:

  1. Que liindo seu texto !!!!
    adorei as rimas,ficou muiiito fofo.
    Obrigada pela visita no meu blog.
    Estou seguindo aqui.
    Beiijinhos;)

    ResponderExcluir

Diga, quem você é me diga, me fale sobre a sua estrada,
me conte sobre a sua vida ... ♪

"Se a princípio, a idéia não é absurda, então não há esperança para ela" Albert Eimstein